Governo libera dinheiro para emendas de parlamentares

O Diário Oficial da União trouxe hoje a portaria de número 336, do ministro da Fazenda, Antonio Palocci, que transfere R$ 260 milhões aos ministérios para serem usados no pagamento das emendas individuais feitas pelos parlamentares ao Orçamento deste ano.A liberação do dinheiro para a realização de obras em redutos eleitorais dos parlamentares era uma exigência de partidos aliados do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para retomar as votações na Câmara, cuja pauta do plenário está trancada por 24 medidas provisórias.A portaria libera recursos para dez ministérios. A maior fatia, R$ 110 milhões, é para o Ministério das Cidades. Outros R$ 168 milhões para área de saúde não precisam de portaria para serem liberados, segundo o líder do governo na Câmara, Professor Luizinho (PT-SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.