Governo Federal tentará se aproximar mais do PMDB, diz Rebelo

O ministro da Coordenação Política, Aldo Rebelo, sinalizou, nesta sexta-feira, que o governo federal vai tentar se aproximar mais do PMDB, como forma de evitar a saída do partido da base aliada. Ele negou, entretanto, que o governo possa oferecer mais cargos à legenda, limitando-se a tratar do assunto apenas na participação decisória do PMDB nos projetos."Buscaremos uma cooperação mais próxima e uma solidariedade maior para que o PMDB se sinta mais confortável e melhor representado do ponto de vista dos projetos, das idéias e da contribuição própria do partido ao governo Lula", afirmou o ministro que, coincidentemente, está hospedado no Hotel Jaraguá Inn, onde se realiza a reunião dos governadores do PMDB para discutir o futuro do partido.Ainda segundo Rebelo, a manutenção do PMDB na base aliada seria importante para o governo, mas, principalmente, para o País. "O PMDB tem importância não só na base parlamentar, mas, principalmente, na base política do governo, pois possui grande número de prefeitos, governadores e parlamentares. E teve um excelente desempenho nas eleições deste ano", avaliou.Forças ArmadasSobre a indicação do vice-presidente da República, José Alencar, para substituir o diplomata José Viegas no Ministério da Defesa Rebelo afirmou ser uma demonstração da presença incontestável de um representante da República do País, do Estado brasileiro e do governo federal no comando da Forças Armadas. "Acho que isso estabelece qual o grau de prioridade que o governo dá à questão das Forças Armadas", analisou o ministro.Mas Aldo Rebelo se recusou a comentar a reforma ministerial, que segundo informações de Brasília, o presidente Lula pretende realizar depois do Carnaval. O ministro lembrou que o assunto é de exclusividade do presidente da República, e como até o momento o próprio Lula não fez comentário algum, ele também não se sentia a vontade para fazê-lo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.