Governo e oposição decidem votar 22 MPs

Os líderes do governo e da oposição no Congresso firmaram um acordo para que sejam incluídas na pauta de votação de hoje 22 medidas provisórias. O futuro líder do PT na Câmara, deputado Valter Pinheiro, informou que há acordo firme sobre 16 dessas MPs e as últimas seis ainda serão objeto de negociação de emenda. Pelo acordo, o Congresso iniciará a votação hoje com a Medida Provisória que trata da aplicação de recursos do FAT e que está em processo de votação há três sessões, faltando ainda serem votadas emendas ao texto. Em seguida, será votada a medida provisória que instituiu o Plano Real. Pinheiro informou que, nessa MP e nas 14 seguintes, a oposição se comprometeu a votar contra as matérias em que houver discordância, mas sem que haja pedido de verificação de quorum, para que a sessão não seja interrompida. Nas últimas seis MPs, quando não houver conclusão do acordo em andamento, a votação será retirada da pauta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.