Governo e centrais sindicais discutem mínimo nesta terça

Governo e centrais sindicais devem se reunir nesta terça-feira, às 20 horas, no Ministério do Trabalho, em Brasília, para iniciar uma nova rodada de negociações sobre o reajuste do salário mínimo para 2007 e o índice de correção da tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF). De acordo com o ministro do Trabalho, Luiz Marinho, o objetivo é chegar a uma proposta que possa ser incorporada ao orçamento do próximo ano, que está em votação no Congresso Nacional.A Comissão Mista de Orçamento do Congresso propõe um salário mínimo de R$ 375. No entanto, as centrais sindicais querem um aumento para R$ 420 e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, defende o valor de R$ 367. Atualmente, o salário mínimo é de R$ 350.Segundo o Ministério da Previdência, o impacto do salário mínimo no déficit previdenciário é de cerca de R$ 200 milhões para cada real pago a mais, o que limitaria o reajuste. Atualmente, mais de 15 milhões de aposentados recebem um salário mínimo no País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.