Governo do Paraná terá nova sede provisória

A partir de janeiro, o governador reeleito do Paraná, Roberto Requião (PMDB), será o primeiro inquilino do prédio que, provisoriamente, funcionará como sede do governo do Estado. Requião ocupará o local enquanto o Palácio Iguaçu passa por uma reforma, que deverá custar pelo menos R$ 15 milhões e durar cerca de um ano e meio.Recém-reformada, a sede provisória fica na Praça Nossa Senhora de Salete, onde também está o Palácio Iguaçu. O local, que estava abandonado desde 1986, foi projetado inicialmente para ser o Fórum de Curitiba. O valor empreendido na obra, iniciada em 2004, foi de R$ 21,5 milhões. Além de comportar provisoriamente a sede do governo, o prédio de 29,7 mil metros quadrados deve abrigar ainda as secretarias de Comunicação, Casa Civil, Casa Militar e Cerimonial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.