Governo de SP promete pagar pequenos precatórios à vista

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), afirmou hoje que enviará na quarta-feira à Assembléia Legislativa um projeto de lei que permite o pagamento à vista de precatórios até R$ 10 mil. Trata-se dos chamados "pequenos precatórios", de natureza alimentar, que têm prioridade sobre os precatórios de maior valor.O governador disse que essas dívidas a serem pagas à vista "não são muitas", mas não revelou o valor total. "Esse limite de R$ 10 mil foi o valor a que se chegou, considerando o estoque que temos desses precatórios." Segundo ele, em maio, foram pagos R$ 59,5 milhões de precatórios alimentares de várias entidades do governo referentes ao período de 1990 a 1997.Alckmin informou que, este ano, o governo deve pagar R$ 700 milhões em precatórios. "Estamos questionando na Justiça muitos casos que entendemos que não são devidos, que estão avaliados de maneira incorreta, especialmente os chamados precatórios ambientais, referentes à região da Serra do Mar", informou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.