Governadores do NE querem sair do horário de verão

Sete dos nove governadores nordestinos vão apresentar ao presidente da Câmara de Gestão da Crise de Energia, ministro Pedro Parente, um projeto para serem excluídos do horário de verão. Os dois únicos Estados que querem permanecer na hora alternativa são a Bahia e Alagoas. "O ministro Pedro Parente aceita a suspensão se o pedido for feito em conjunto com todos os governadores", disse o governador do Ceará, Tasso Jereissati (PSDB). O secretário de Infra-Estrutura do Ceará, Maia Júnior, afirmou que o Fórum dos Secretários de Energia de Nordeste, presidido por Fernando Coelho (PE) é que está elaborando o projeto que deverá ser entregue ao ministro Parente. "Estamos nos articulando para, nesta sexta-feira, entregar o projeto aos governadores, para eles encaminharem ao ministro", disse o secretário cearense.Segundo Maia Júnior, o Ceará sempre se manifestou contrário ao horário de verão, "mas a cabe ao Governo Federal decidir". Para o secretário cearense, existem estudos científicos que comprovam que a economia de energia no Estado é muito pequena e adiantar os ponteiros em uma hora causa grandes transtornos à população.O secretário lembrou que existe no Tribunal Regional Federal da 5ª Região em Recife (PE) pedido de reconsideração da decisão do presidente do TRF, juiz Geraldo Apoliano, que cassou uma liminar que suspendia o horário de verão no Ceará.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.