Governadores do NE cobrarão de Lula socorro aos Estados

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva encontrará amanhã, ao desembacar na capital cearense, um clima pesado e de críticas à lentidão do governo federal em atender os Estados do Nordeste. Os governadores do Ceará, Lúcio Alcântara (PSDB), da Paraíba, Cássio Cunha Lima (PSDB), do Rio Grande do Norte, Wilma Faria (PSB), e de Alagoas, Ronaldo Lessa (PSB), juntamente com o vice-governador de Pernambuco, José Mendonça Filho (PFL), fizeram hoje duas reuniões prévias, em Fortaleza, para discutir as propostas que levarão a Lula. Eles vão cobrar do presidente medidas urgentes para socorrer as vítimas das enchentes que atingiram recentemente diversos Estados do Nordeste; a aprovação da Contribuição sobre InterCide nos termos acordados entre a União e os Estados, e renegociação das dívidas dos Estados.Os governadores discordam principalmente do ponto da medida provisória (MP) que inclui o repasse aos Estados dos recursos da Cide destinados no cálculo da receita líquida para efeito de pagamento da sua dívida com a União. Amanhã, às 10 horas, na sede do Banco do Nordeste, Lula participará do lançamento do programa Cresce Nordeste, que prevê a aplicação, este ano, de R$ 3 bilhões em apoio a empresários e empreendedores que queiram investir na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.