Governadores debatem saídas para crise econômica no Sudeste

Em reunião no Rio na semana que vem, Pezão, Pimentel, Alckmin e Hartung apresentam propostas para a região

Luciana Nunes Leal, O Estado de S. Paulo

24 de junho de 2015 | 22h10

Rio - Os governadores do Sudeste se reunirão na próxima terça-feira no Rio para discutir ações conjuntas que possam amenizar os efeitos da crise econômica e formular propostas comuns para a região, informou ontem o chefe do Executivo do Estado do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB).

A ideia do encontro surgiu em conversa de Pezão com o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT). O convite foi feito a Geraldo Alckmin (PSDB), de São Paulo, e Paulo Hartung (PMDB), do Espírito Santo. “A maior preocupação é com a economia, as dificuldades que estão passando vários Estados. Vamos discutir uma pauta comum e trabalhar uma proposta do Sudeste”, disse Pezão. 

O Rio foi escolhido por ser uma espécie de “área neutra”, já que Pezão, em 2014, apoiou a reeleição da presidente Dilma Rousseff, mas teve apoio do PSDB do candidato Aécio Neves, derrotado no 2.º turno. O presidente do PMDB-RJ, Jorge Picciani, abriu dissidência em resposta ao fim da aliança com o PT no Estado e fundou o movimento “Aezão”, que pregou o voto em Aécio e Pezão. O governador, porém, ficou com Dilma. 

Em janeiro, os governadores se reuniram com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para discutir segurança pública. Agora, a ideia é debater gargalos da infraestrutura, financiamento de obras públicas e parcerias público-privadas (PPPs). 

Segundo Pezão, suas grandes preocupações são a queda na arrecadação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e de royalties do petróleo e a preservação de empregos, apesar da retração de investimentos.

Tudo o que sabemos sobre:
sudesteajuste fiscalcrise econômica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.