Wilton Jr.|Estadão
Wilton Jr.|Estadão

Gleisi apoia projeto que retira sigilo de investigação

Senadora petista diz não ver 'nenhum problema' em apoiar o projeto do colega Romero Jucá (PMDB-RR), que é líder do governo no Congresso

Isabela Bonfim, O Estado de S.Paulo

09 de fevereiro de 2017 | 00h21

BRASÍLIA - Escolhida nesta quarta-feira, 8, para o cargo de líder do PT na Casa – principal partido de oposição ao governo –, a senadora Gleisi Hoffmann (PR) disse não ver “nenhum problema” em apoiar o projeto do senador Romero Jucá (PMDB-RR) que prevê a retirada do sigilo de investigações.

Jucá, líder do governo no Congresso, protocolou o projeto de lei na semana passada. 

“A bancada do PT já tem o meu projeto, que trata exatamente disso, e não vejo nenhum problema em apoiar o projeto do senador Jucá”, afirmou Gleisi, ao lembrar que é autora de proposta semelhante, que prevê o fim do sigilo de delações que tiveram o teor vazado.

“A sociedade tem o direito de saber o que tem dentro das delações. Sou a favor que se quebre totalmente o sigilo e que tudo venha a público”, disse a petista. Gleisi é ré na Operação Lava Jato, acusada de receber R$ 1 milhão do esquema na Petrobrás. Ela nega irregularidades.

A proposta de Jucá – também alvo da Lava Jato – é mais ampla e propõe o fim do sigilo de qualquer investigação. O projeto vai tramitar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.

Lava Jato. Nesta terça-feira, 7, Eduardo Pelella, chefe de gabinete do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse que a intenção do Ministério Público Federal é pedir o fim do sigilo de parte da delação da Odebrecht, homologada em janeiro no Supremo Tribunal Federal (STF).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.