Dida Sampaio/AE
Dida Sampaio/AE

Gestão de terra indígena terá programa nacional

Presidente Dilma Rousseff deve lançar nesta semana o Programa Nacional de Gestão Ambiental e Territorial de Terras Indígenas

02 de maio de 2011 | 23h00

BRASÍLIA - Alvo de movimentos indigenistas que criticam o impacto do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a presidente Dilma Rousseff deve lançar nesta semana o Programa Nacional de Gestão Ambiental e Territorial de Terras Indígenas (PNGAT).

 

O texto regulamenta as ações nessas áreas. A ideia é criar, com participação dos índios, um conselho para definir políticas públicas. A expectativa de lançamento do programa coincide com a realização do Acampamento Terra Livre, que começa nesta terça-feira, 3, em frente ao Congresso. Cerca de 500 lideranças indígenas prometem permanecer até quinta-feira, 5, para exigir garantias do governo de que poderão ficar em suas terras. Representantes dos mais de 230 Povos Indígenas pretendem transformar a Esplanada em uma "grande aldeia".

 

Iniciado na gestão Luiz Inácio Lula da Silva, o programa perambulou por vários setores e agora vai ao Ministério do Meio Ambiente. O Planalto pretende, após sua definição, aprová-lo rapidamente no Congresso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.