Gestão de Marta foi baseada em vaidades e factóides, diz Kassab

Prefeito de São Paulo questiona ainda a política tributária da também pré-candidata em evento com empresários

Roberto Almeida, de O Estado de S. Paulo,

10 de junho de 2008 | 10h22

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), pré-candidato à reeleição, criticou nesta terça-feira, 10, a gestão da ex-prefeita e também pré-candidata Marta Suplicy. "A opinião pública tende a cobrar um governo que não sobreviva de vaidades, factóides e projetos pessoais. Foram gestões anteriores que nos colocaram nessa situação", disse.  Veja também: Veja o gráfico da pesquisa do Ibope   Calendário eleitoral das eleições deste ano Kassab questionou ainda a política tributária de Marta, ressaltando: "Se ela voltasse no tempo não faria o aumento da carga tributária. Eu não demoro quatro anos para reconhecer meus erros". Sobre a questão do Metrô, o prefeito pediu aos empresários que cobrassem dos candidatos investimentos prioritários na área: "Não é questão eleitoreira nem demagógica. Cabe a vocês exigirem esse compromisso dos candidatos", ressaltou.  Kassab participou nesta terça de um café da manhã com empresários em hotel na capital paulista antes de se encontrar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O tema debatido com os empresários foi o transporte público.

Tudo o que sabemos sobre:
Kassabeleições municipais

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.