Genoino segue com quadro estável e sem previsão de alta

Deputado federal recupera-se de cirurgia na UTI do Hospital Sírio-Libanês; ele foi hospitalizado na quarta-feira, com dores no peito, e passou por cirurgia de seis horas

Carla Araújo, Agência Estado

26 de julho de 2013 | 15h55

SÃO PAULO - Internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Cardiológica do Hospial Sírio-Libanês, em São Paulo, o deputado federal José Genoino (PT) tem quadro estável e, no entanto, ainda não há previsão de alta, informou boletim médico divulgado pelo hospital no início da tarde desta sexta-feira, 26. 

O deputado se recupera de procedimento cirúrgico para correção de dissecção de aorta, realizado na última quarta-feira (24). Ele está sendo atendido pelos doutores Roberto Kalil Filho e Fábio Jatene.

Genoino foi hospitalizado na quarta-feira, 24, em Ubatuba, no litoral norte de SP, depois de sentir dores no peito. Durante a tarde ele foi transferido para o Hospital Sírio-Libanês, onde passou por uma cirurgia que durou seis horas.

Ele é ex-presidente do PT e foi condenado a 6 anos e 11 meses de prisão no ano passado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção ativa e passiva e formação de quadrilha durante o julgamento do mensalão. No início deste ano, ele assumiu o sétimo mandato na Câmara dos Deputados.

Tudo o que sabemos sobre:
Genoino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.