Genoino pede unidade aos radicais do PT

O presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, José Genoino, deu hoje um recado aos radicais do PT, durante reunião do diretório estadual do partido no Rio Grande do Sul, realizada num hotel no centro de Porto Alegre. "A liberdade de opinião é sagrada no PT, desde que sigam a linha traçada pelo partido", disse.A mensagem, dirigida aos deputados federais João Fontes (SE), Luciana Genro (RS) e Babá (PA), além da senadora Heloísa Helena (AL), foi claro e mostrou mais uma vez que o PT não vai tolerar as atitudes dos parlamentares que não seguirem o que for determinado pelo partido."Nós estamos avaliando atos e não opiniões. O pensamento é livre e nós temos que manter esta característica pluralista de um debate interno. Eles que discutam com as suas bases, com a sociedade e exponham suas opiniões como e quando quiserem, desde que acatem as decisões tomadas pelo partido e pelas bancadas da Câmara e do Senado", afirmou.José Genoino reiterou que a unidade do partido tem que ser mantida. "As divergências no PT não causam nenhum tipo de problema. Agora, as características históricas de pluralidade de idéias e a unidade de ação através do voto têm que ser mantidas, pois o PT não libera voto de ninguém, o que todos sabem.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.