Genoino nega que governo possa negociar cobrança de inativos

O presidente do PT, José Genoino, negou hoje que tenha dito ao senador Paulo Paim (PT-RS) que o governo está aberto à negociação no que se refere à cobrança previdenciária dos servidores inativos. ?O governo tem dito para mim que, nesse debate, não tem bode nem cabra?, argumentou. Segundo ele, essa negociação deve ser conduzida pela bancada petista e partidos aliados no Congresso. ?É um tema polêmico e o fórum de negociação é a bancada do partido, para levar as propostas ao governo.? As evidências de que o Palácio do Planalto já admite negociar a taxação dos inativos ficaram mais fortes ontem depois que Paim saiu do encontro com Genoino dizendo que a contribuição previdenciária dos aposentados não era um item imutável.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.