Genoino diz que interpelação contra Tasso é caso encerrado

O presidente do PT, José Genoino, disse hoje que o partido já tinha decidido retirar do Supremo Tribunal Federal (STF) a interpelação contra o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). Segundo ele, três ministros com os quais conversou sobre o assunto - Antonio Palocci, da Fazenda, José Dirceu, da Casa Civil, e Márcio Thomaz Bastoz, da Justiça - apoiaram a iniciativa de recuar com a interpelação. Genoino defendeu que, com a decisão do ministro Eros Grau, o episódio está encerrado. "Queremos ter uma relação com a oposição para debater propostas de governo e nossas divergências no campo da política", argumentou. "O PT não vai atacar ninguém e esperamos o mesmo relacionamento da oposição".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.