Garotinho não depõe: "não tenho nada a ver" com fiscais

O ex-governador do Rio e atual secretário de Segurança Pública, Anthony Garotinho, não foi depor nesta segunda-feira na Justiça Federal, no inquérito que apura a remessa ilegal de dólares por fiscais da Fazenda do Estado. ?Fui convocado primeiro como testemunha de defesa (dos fiscais). Aí a defesa desistiu. Depois me convidaram como testemunha de acusação, mas não tenho nada a ver com isso. Isso é problema deles, não é problema meu?, disse Garotinho. Ele era esperado à tarde, conforme foi marcado pelo juiz LafredoLisboa, da 3ª Vara Federal Criminal. De manhã, depois da cerimônia de inauguração do batalhão da Polícia Militar no Complexo da Maré,Garotinho afirmou que não iria. À noite, porém, enviou ofício aomagistrado no qual se compromete a marcar, dentro do prazo de cincodias, data e local para o depoimento. Por ser secretário de Estado, elepode escolher quando vai ser ouvido pela Justiça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.