Garotinho diz que vai processar Serra

O governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (PSB), disse que acionou o Ministério Público para que processe o ministro da Saúde, José Serra, por suas declarações sobre a falta de vacinas contra a poliomielite no Estado.Serra afirmou que a falta de vacinas em vários postos de saúde foi resultado de falhas na distribuição feita pelo governo do Rio. Garotinho negou. Em nota oficial divulgada nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde afirma que houve falta de vacina apenas em alguns postos de saúde do Rio e em mais nenhum outro lugar do País.O Ministério disse que enviou 625 mil vacinas além do mínimo necessário como precaução. "O responsável pela distribuição das vacinas é o governo do Estado, que não conseguiu fazer a distribuição certa, não orientou os postos de saúde sobre como manipular corretamente os frascos da vacina nem fez o remanejamento das doses excedentes para os postos de saúde onde faltou vacina", sustenta a nota, assinada pelo presidente da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Mauro Ricardo Costa.Na nota, o presidente da Funasa diz ainda que Garotinho "exibe uma raiva inusitada que talvez devesse ser tratada com uma vacina não contra a pólio, mas anti-rábica".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.