Garotinho diz que mantém candidatura mesmo com verticalização

A assessoria do ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, anunciou na noite desta quarta-feira que ele mantém a intenção de se candidatar à Presidência da República e pretende submeter seu nome à convenção do partido em junho, apesar da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de manter a verticalização nas eleições de 2006.Depois de frisar a condição de vencedor da consulta informal realizada pelo PMDB no último fim de semana para a definição do candidato do partido à Presidência, a assessoria de Garotinho informou que ele manterá na próxima semana uma rodada de reuniões com os principais candidatos do partido aos governos estaduais.Apesar do otimismo de Garotinho, o PMDB terá dificuldade para manter a candidatura própria. Como o partido quer lançar pelo menos 18 candidatos a governador e a verticalização atrapalha as alianças que são articuladas na maioria dos Estados, peemedebistas de todas as alas apostam que a melhor solução é descartar o candidato."Quem acredita em duende e Papai Noel também pode crer em candidatura do PMDB com verticalização", ironiza o deputado Geddel Vieira Lima (PMDB-BA).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.