Garotinho demonstra cansaço e prostração

No quarto dia da greve de fome, o pré-candidato do PMDB a presidência, Anthony Garotinho, começa a demonstrar cansaço e prostração. No início da tarde, deitado no sofá, seu corpo tremeu. Ele se sentou, colocou a mão no peito, foi ao banheiro e, na volta, foi realizado um eletrocardiograma de rotina.Os deputados estaduais da base governista continuam reunidos no diretório regional do PMDB a portas fechadas, na sala ao lado de onde se encontra Garotinho.O boletim médico número quatro, sobre o estado de saúde do pré-candidato, constata que ele, até agora, já perdeu 2,6 quilos e está com desidratação de grau leve."Há cansaço aos médios esforços e prostração. Estão ocorrendo alteração dos níveis de pressão arterial e nos batimentos cardíacos (arritmia cardíaca). Foram realizados exames laboratoriais pela manhã que apresentaram oscilações eletrolíticas." Segundo o boletim, o pré-candidato, no entanto, continua lúcido e orientado e com as funções cardiovasculares significativas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.