Garotinho cobra de Temer garantia de prévia no PMDB

O ex-governador fluminense Anthony Garotinho, um dos pré-candidatos do PMDB à Presidência da República, vai cobrar do presidente nacional da legenda, deputado Michel Temer (SP), que garanta juridicamente a realização das prévias do partido que escolherão o postulante da agremiação ao cargo. Embora avalie que os governistas do partido não têm argumentos para recorrer à Justiça contra a votação, marcada para o próximo dia 19, Garotinho quer que o comando nacional peemedebista assuma a luta contra possíveis tentativas de suspender ou anular judicialmente a consulta. No campo do governismo, estão o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), e o senador José Sarney (AP)."Eu e o (Germano) Rigotto (governador licenciado do Rio Grande do Sul, também pré-candidato a presidente) fizemos um pacto nesse sentido, vamos delegar à direção nacional a defesa da realização das prévias", disse Garotinho, em entrevista durante encontro com representantes da Juventude do PMDB em 18 Estados, quando foi divulgado manifesto de apoio à sua candidatura. Os dois conversaram no Palácio Laranjeiras, residência oficial do governo fluminense, na segunda-feira de carnaval.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.