Garibaldi devolve pedido de CPI e dá novo prazo a líderes

O presidente do Senado Federal, Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN) devolveu o pedido de abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) mista para investigar o uso irregular de cartões corporativos. Ele leu um comunicado em plenário no qual alega haver um erro no pedido e o devolveu aos líderes partidários, concedendo um prazo de cinco dias para que o problema seja sanado. O senador, no entanto, não informou qual é o erro encontrado no pedido protocolado pelos líderes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.