Funeral poderá ser acompanhado pela Internet

Nem sempre dá tempo para chegar ao funeral de um amigo ou parente, mas está surgindo uma alternativa para isso: o acompanhamento poderá ser feito de qualquer parte do mundo, via Internet. Mais: usando o e-commerce, as pessoas poderão contratar funerárias, encomendar e mandar flores, além de dispensar os telegramas: as mensagens chegarão em tempo real, por e-mail. Tudo isso estará à disposição no portal mundial Vida Perpétua (www.vidaperpetua.com.br), que será lançado dia 1º e que, já na fase inicial, atingirá os mercados brasileiro, argentino, mexicano, chileno e uruguaio, consumindo investimentos de US$ 5 milhões nos próximos seis meses.A idéia, conta o empresário Pepe Altstut, surgiu da convivência diária com o drama das pessoas surpreendidas com a morte de parentes e amigos quando estão distantes. Dono do Memorial, o maior cemitério vertical do mundo, o empresário revela que a quantidade de telefonemas é muito grande na busca de informações sobre sepultamento.As pessoas poderão acessar o site e acompanhar o sepultamento, mandar mensagens de condolências em todos os idiomas, enviar flores e até mesmo cuidar dos detalhes do velório em diversos cemitérios. "O Brasil conta hoje com aproximadamente 200 cemitérios particulares e 50 deles já foram contatados e aderiram a esse novo serviço", revelou Altstut.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.