Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Funcionários do BC decidem paralisar por 24 horas

Os funcionários do Banco Central (BC) em Brasília decidiram esta manhã paralisar por 24 horas suas atividades em solidariedade à greve dos servidores públicos federais contra a reforma da previdência. A decisão foi tomada em assembléia que reuniu entre 400 e 500 servidores do banco, que conta com um total de aproximadamente 1.200 funcionários em Brasília. "Acreditamos que a greve vai contar com a adesão de mais da metade do banco", disse Edison Cardoni, diretor do Sindicato dos Servidores Públicos Federal de Brasília. O sindicalista não soube responder se a paralisação atingirá o funcionamento da mesa de câmbio do BC. "Essa é uma avaliação que faremos daqui há pouco", disse. Em greves anteriores, o funcionamento da mesa de câmbio não foi comprometido. Os servidores do BC também decidiram realizar uma nova assembléia na manhã de amanhã para decidir os rumos do movimento. "Vamos fazer uma avaliação para ver se é possível continuar a greve", disse Cardoni.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.