Funcionários da Planam não aparecem para trabalhar

Apenas um funcionário - a telefonista identificada por ´Cida´ - compareceu nesta sexta-feira para trabalhar na Planam Indústria e Comércio, empresa acusada de comandar o esquema fraudulento em licitações e vendas de ambulâncias e UTIs móveis para prefeituras em todo o Brasil. A empresa está localizada Rua Adauto Botelho, 55, no Bairro Vista Alegre, em Cuiabá.Segundo a telefonista, ninguém compareceu para trabalhar, um dia após a Polícia Federal desencadear a Operação Sanguessuga, com a prisão de 46 pessoas.No material de divulgação, a empresa diz que "leva mais do que saúde, leva soluções para as pessoas e para seus administradores. Em um dia bem próximo, cada município terá a sua própria frota de veículos levando saúde, educação e segurança à população".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.