Funcionário da Infraero confirma que PF gravou Waldomiro

O funcionário da Infraero, Carlos Prado, confirmou, em depoimento prestado à Polícia Federal, que três policiais civis de Brasília, fizeram as gravações do encontro do bicheiro Carlos Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com o ex-assessor do Planalto Waldomiro Diniz, e no aeroporto de Brasília, no dia 20 de abril de 2002.À tarde, o delegado Antonio Cesar Nunes, que preside o inquérito, vai ouvir Leopoldo Eduardo Campos, outro funcionário da Infraero que estava presente no momento das gravações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.