Funcionária do gabinete de Temer está com gripe suína

Segundo assessoria, não há mais risco de contaminação, mas funcionária permanecerá mais essa semana em casa

Denise Madueño, de O Estado de S.Paulo,

30 de junho de 2009 | 15h42

Foi diagnosticado o primeiro caso de gripe suína no Congresso. Uma funcionária da presidência da Câmara, que trabalha em sala próxima ao do presidente, Michel Temer (PMDB-SP), que esteve na Argentina, está de licença médica e só deve voltar ao trabalho na próxima semana.

 

Na segunda-feira, dia 22, a funcionária esteve na Câmara se sentindo mal e procurou o médico. Ao fazer exames, foi constatado o vírus H1N1. De acordo com informações da assessoria da presidência da Casa, não há mais risco de contaminação, mas funcionária permanecerá mais essa semana em casa.

Tudo o que sabemos sobre:
Gripe Suína

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.