Funai briga no STF por fazenda na Bahia

A Fundação Nacional do Índio (Funai) recorreu ao Supremo Tribunal Federal para tentar evitar o despejo de 50 índios que ocupam a Fazenda Bom Sossego, na Terra Indígena Caramuru Catarina Paraguassu, na Bahia. O proprietário, um servidor público, obteve aval da Justiça Federal de Itabuna para o despejo. A Funai alega que a terra é dos índios e tenta garantir a permanência do grupo até a análise de pedido de vista pelo ministro do STF Carlos Alberto Direito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.