Frases de ACM

"Na Bahia, eu sou capaz de eleger um poste"Em 1982, sobre como ajudou a eleger João Durval governador"Reforce a segurança; se tiver de bater, bata; se tiver de atirar, atire, mas aqui ninguém entra, eu estou aqui"05/02/1998, à época presidente do Senado, sobre protestos contra a reforma da Previdência''''Crise econômica não derruba governos; crise moral, sim''''14/04/99, sobre o cenário econômico brasileiro''''Eu tenho o governador, os três senadores, 95% dos prefeitos, 30 dos 39 deputados federais e me mostre alguém que tenha um poder como este onde faz política''''02/05/00, comentando a força política no seu Estado"Sou a ala petista do PFL. Há também uma ala pefelista do PT"12/02/2000, em entrevista"Todo mundo sabe que não sou prostituta. Eu não seria nem se quisesse, porque sou muito masculino. Mas todo mundo sabe que ele (Jader) é ladrão''''22/03/01, reagindo a ataque de Jader Barbalho no Senado''''Não serei cassado. Mas, se acontecesse, eu voltaria para a Bahia, e a Bahia me daria o Senado ou cargos melhores''''13/05/01, sobre escândalo da violação do painel do Senado"Fui um aliado importante e, sobretudo, leal. Não me acanho de dizer que gostava dele. Fernando Henrique é uma pessoa sedutora. Entretanto, engana demais. Todas as pessoas que conversam com ele, saem enganadas. Vem da infância e vai morrer com ele"30/05/2001, em entrevista antes de renunciar ao mandato"Não há título maior para mim do que ser atacado pelo sr. Delúbio, o maior ladrão da República, porque ele só existe em virtude de Lula não selecionar suas amizades e seus colaboradores que estão corroendo o País"01/07/2005, sobre o então tesoureiro do PT, Delúbio Soares"Só duas siglas pegaram neste país: JK e ACM"31/12/2005, sobre si mesmo''''Quem está acostumado a realizar nas suas fazendas trabalho escravo não pode admitir um melhor salário para os trabalhadores"18/08/2005, sobre o ex-pefelista Inocêncio Oliveira (PMDB-PE)"Não encontrarão em mim um presidente bêbado como é o senhor Lula. Não encontrarão em mim um presidente desonesto, como é o senhor Lula. Não encontrarão em mim um presidente que só anda com ladrões, que estão desfilando pelo Brasil"04/10/2006, após derrota eleitoral para o PT na Bahia"Vou voltar com mais força do que tinha antes, porque os meus adversários fracassarão"22/11/2006 , sobre a eleição de Jaques Wagner na Bahia"Onde estão as Forças Armadas? Reajam antes que o Brasil caia na desgraça de se tornar uma ditadura sindical, presidida pelo homem mais corrupto que já chegou à Presidência"06/06/2006, sobre invasão de sem-terra na Câmara "Estou mais para gato caçador de rato ladrão do dinheiro público do que para hamster. Não conheço hamster, só ouvi falar. Até porque estou mais acostumado em combater os grandes ratos. E a cada dia fica mais confirmado que Lula é um roedor implacável"17/09/2006, após ser chamado pelo presidente de "hamster""Na minha opinião, ele não precisa se submeter a ninguém, porque a força inegável da eleição não foi de nenhum partido, foi dele"04/04/2007, após encontro com Lula, em retribuição a visita que havia recebido no hospital"Parecia que eu só fazia elogios a ele, e ele a mim." 04/04/2007, sobre conversa com presidente, no Planalto

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.