Fracassa tentativa de convencer Sarney

A última tentativa do PFL de convencer o senador José Sarney (PMDB-AP) a disputar, com o peemedebista Jader Barbalho (PA), a presidência do Senado fracassou nesta sexta-feira e empurrou o partido para a alternativa de reunir apoio para o senador Arlindo Porto (PTB-MG). Ao presidente nacional do PFL, senador Jorge Bornhausen (SC), em um encontro em São Paulo, Sarney descartou a hipótese de voltar atrás e aceitar enfrentar Jader na última hora.Mesmo definitivamente fora da disputa, Sarney mantém-se como um forte eleitor, e não apenas seu voto, mas outros que ele conduziria dentro do PMDB podem ser decisivos na eleição do Senado.Depois que Jorge Bornhausen apresentou-lhe a contabilidade dos senadores que votariam nele se aceitasse ser a terceira via, será a vez de Jader Barbalho apelar para o apoio de Sarney. O presidente e líder peemedebista vai ao encontro de Sarney para pedir-lhe votos. Tanto o grupo de Jader quanto o do PFL passam o fim de semana em Brasília numa mesma operação: definir os cerca de 12 votos "indecisos" no Senado, e por isso considerados como o fator decisivo na disputa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.