Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Fonteles afasta procurador da corte especial do STJ

O procurador-geral da República, Claudio Fonteles, afastou o subprocurador José Roberto Santoro da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ), onde ele era representante do Ministério Público Federal. Fonteles alegou que, "por fatos notórios", retirou Santoro do posto que ocupava desde a gestão de Geraldo Brindeiro na Procuradoria Geral da República. Santoro é acusado por Fonteles de violação do princípio do promotor natural e improbidade administrativa, ao interrogar o bicheiro Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, na madrugada do dia 8 de fevereiro. Mas uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), de outubro do ano passado, pode ser a principal linha de defesa do subprocurador e dos procuradores Mário Lúcio de Avelar e Marcelo Serra Azul, que respondem à mesma acusação por também ter participado do interrogatório de Cachoeira. A Corregedoria Geral do Ministério Público Federal abriu sindicância contra o Santoro, Avelar e Serra Azul. No caso, Avelar e Santoro não poderiam, segundo a acusação, participar de um depoimento no qual Serra Azul era o autor. Um acordão do STF, porém, praticamente elimina e tese principal da sindicância a que estão respondendo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.