Fontana: candidatura de Marina mexe cenário da sucessão

Líder do governo na Câmara esteve reunido ontem com a senadora e um grupo de dirigentes petistas

Denise Madueño, O Estado de S.Paulo

13 de agosto de 2009 | 12h34

O líder do governo na Câmara, o deputado Henrique Fontana (PT-RS), disse que a eventual saída do PT da senadora Marina Silva (PT-AC) e a sua entrada na disputa pela presidência da República mexem com o cenário político da sucessão. Fontana esteve reunido ontem com a senadora e um grupo de dirigentes petistas. "A candidatura Dilma fica mais forte com a Marina junto", disse Fontana, referindo-se à pré-candidata petista, ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff.

 

Aos petistas, Marina repetiu que está vivendo um momento de reflexão e que ainda não há decisão. Fontana não se alongou nos prejuízos que Marina poderá causar na candidatura de Dilma. "Dissemos que o PT fica bem melhor com ela", afirmou Fontana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.