Foliões fazem protesto contra Bolsonaro em frente à casa do presidente no Rio

Grupo estava vestido de laranja em alusão às irregularidades com candidaturas do PSL no diretório de Pernambuco

Vinicius Neder, O Estado de S.Paulo

05 de março de 2019 | 21h37

RIO – Um grupo de foliões aproveitou a terça-feira de carnaval para fazer um protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, em frente à casa dele no Rio, na Barra da Tijuca, zona oeste da cidade. Organizado como bloco de carnaval, batizado de “Eu avisei”, o protesto reuniu foliões fantasiados de laranja, numa alusão a suspeitas de irregularidades envolvendo tanto o gabinete do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) quando era deputado estadual no Rio quanto candidaturas do PSL, partido do presidente, no diretório de Pernambuco.

O protesto, organizado durante a manhã, também teve foliões fantasiados de “fantasma do comunismo”, com lençóis vermelhos cobrindo o corpo. Uma foto com dezenas de foliões usando laranja foi publicada na página do “bloco” no Facebook com o seguinte comentário: “Obrigado a todos que compareceram hoje no bloco. O bonde laranjinha fez sucesso na orla. Galera linda demais”.

Ainda na rede social, os organizadores afirmaram que o “desfile” era um ato político. “Não temos nenhum tipo de autorização de órgão nenhum. No entanto, somos um ato político em formato de bloco, e atos políticos não necessitam de autorização prévia, por isso estamos tranquilos quanto a nossa saída, e qualquer impedimento de saída do bloco será entendido como censura”, diz uma publicação fixada na página.

Não houve relatos de problemas no desfile na orla da Barra.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.