Fogaça terá reforço do PSDB em Porto Alegre

O PSDB e a governadora Yeda Crusius vão apoiar os candidatos José Fogaça (PMDB) em Porto Alegre, Fetter Júnior (PP) em Pelotas e Jurandir Maciel (PTB) em Canoas no segundo turno das eleições. A decisão foi anunciada ontem pela presidente estadual da sigla, a deputada estadual Ziláh Breitenbach. Yeda já havia sinalizado sua opção de manhã, em entrevistas à imprensa. O apoio em bloco foi facilitado pelo fato de os três candidatos serem de partidos da base parlamentar do governo estadual na Assembléia Legislativa e enfrentarem concorrentes do PT.Na capital, Fogaça também contará com a adesão do PP, a ser anunciada hoje, e pode conquistar o DEM nos próximos dias. O prefeito espera ainda uma definição do bloco de partidos que apoiou Manuela D?Ávila no primeiro turno. Se cada sigla for liberada para seguir seu caminho, Fogaça ganha o PPS e Maria do Rosário (PT) tem mais chances de conquistar o PC o B e o PSB, da base de apoio do presidente Lula. Fogaça optou por retornar à prefeitura e só fazer campanha em horários vagos até agora. Na terça-feira, tratou de mobilizar os 150 filiados aos partidos de sua aliança (PMDB-PDT-PTB) que concorreram à Câmara Municipal e conclamando-os a conquistarem a vitória. Além disso, vai prorrogar a licença dos oito secretários que disputaram vagas na Câmara até o final do segundo turno para que participam ativamente da campanha. Fogaça deve dar expediente na prefeitura hoje e iniciar nova licença amanhã.Maria do Rosário tem feito reuniões e gravação de programas, mas inclui pelo menos uma saída por dia para contato com os eleitores. Visitou unidades de saúde fechadas ou em situação precária na zona leste anteontem, e creches comunitárias na zona sul hoje. Ela já está conformada com a ausência de Lula, mas segue apostando no vínculo com o governo federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.