Financial Times: FHC perdeu um grande aliado

O diário britânico Financial Times disse hoje que o presidente Fernando Henrique Cardoso sofreu um novo revés com a morte de Mário Covas, um importante aliado do presidente. "Com a sua coalizão governista abalada por brigas internas, o final da admirável luta de Covas contra o câncer poderá tornar mais difícil para o presidente restaurar a ordem em seu governo nos dois últimos anos de mandato", disse o FT. O jornal ressaltou que Covas foi o terceiro amigo próximo e aliado que o presidente perdeu nos últimos três anos, após as mortes, em 1988, de Sérgio Motta e de Luis Eduardo Magalhães. "A morte de Covas provavelmente criará uma trégua nas hostilidades entre os governistas, que foram iniciadas há duas semanas quando Antônio Carlos Magalhães começou a atacar Cardoso."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.