Financial Times destaca viagem de Lula aos EUA

O jornal Financial Times afirma que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva viaja hoje para Nova York com o objetivo de tentar assegurar junto a banqueiros de Wall Street o investimento necessário para acelerar o fraco crescimento econômico do País. Segundo o diário britânico, trata-se da mais recente da série de viagens de promoção comercial feitas por Lula nos últimos meses e mostra a prioridade do governo brasileiro de melhorar os laços com os investidores estrangeiros. "A visita ocorre em meio a uma tensão renovada entre Washington e Brasília, sublinhada pela vitória do Brasil na semana passada na obtenção de uma decisão na Organização Mundial de Comércio condenando os subsídios dos Estados Unidos para o algodão", disse o FT."As negociações para a criação de uma Área de Livre Comércio para as Américas até o final do ano estão estagnadas e o comércio bilateral tem declinado." Segundo o jornal, Lula terá de fazer mais do que apenas reassegurar os investidores que irá manter as políticas econômicas ortodoxas."Executivos de empresas e bancos vão procurar por progressos nas repetidas promessas do governo de melhorar o clima de investimentos no Brasil", disse o jornal, que observou que uma série de projetos de lei para aperfeiçoar a estrutura regulatória do País e fornecer garantias legais para os projetos de infra-estrutura e empréstimos bancários têm ficado emperrados no Congresso Nacional durante meses. Além disso, segundo o FT, a derrota da proposta do governo para o salário mínimo no Congresso elevou a preocupação de que as autoridades podem estar perdendo o apoio político para a sua agenda de reforma econômica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.