Filiado ao PT, José Guimarães se candidata a líder da minoria na Câmara

Ex-líder do governo Dilma Rousseff deseja comandar o bloco de oposição ao governo Temer

Julia Lindner, O Estado de S.Paulo

18 de maio de 2016 | 19h43

Brasília - Depois de muita discussão entre PT e PSDB, a disputa pela liderança da minoria do governo Michel Temer deve ser definida nesta quinta-feira, 19. Segundo o atual líder do bloco, Miguel Haddad (PSDB-SP), haverá uma reunião nesta quinta para definir o tema. Ex-líder do governo Dilma Rousseff, José Guimarães (PT-CE) se candidatou à vaga e defendeu que, com a mudança de gestão, a presidência deve considerar vaga a liderança e revisar o equilíbrio entre as legendas.

A minoria é o maior bloco que, em relação ao governo, expressa posição diferente da maioria. Guimarães, entretanto, alega que o cenário mudou com o afastamento da presidente da República. Com a nomeação de André Moura (PSC-CE) como novo líder governista, governo e minoria ficam favoráveis à gestão Temer.

"Não pode governo e minoria ter o mesmo lado, pela decência na condução política", disse Guimarães. "Vivemos um quadro único e, diante das dúvidas suscitadas, amanhã (quinta, 19) faremos encaminhamentos necessários para o equilíbrio das forças na Casa", rebateu Haddad.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.