Filho e neto de Jango pedem ajuda da OAB

O filho do ex-presidente João Goulart, João Vicente Goulart, e o neto, Christopher Goulart, se reuniram ontem com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Cezar Britto, para pedir apoio na viabilização da oitiva de ex-agentes da CIA, a agência de inteligência americana. A família Goulart suspeita que Jango tenha sido envenenado e acredita que os ex-agentes possam esclarecer o caso. O processo que trata da morte do ex-presidente, ocorrida em 1976, oficialmente por ataque cardíaco, tramita no Superior Tribunal de Justiça. A família quer, principalmente, ouvir o ex-agente Frederick Latash.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.