Filho do governador Ivo Cassol é transferido para ES

O envolvimento do filho do governador de Rondônia, Ivo Cassol (PPS), com o grupo do empresário capixaba Adriano Mariano Scopel - preso pela Polícia Federal, na Operação Titanic - foi ressaltado pelo juiz-substituto da 1ª Vara Federal Criminal, Pablo Coelho Charles Gomes, ao decretar a prisão temporária de Ivo Junior Cassol e de seu primo Alessandro Cassol Zabott. Os dois chegaram ontem a Vitória, em avião da PF, junto com Rogério Moreira - filho de Mário Moreira, conselheiro do Tribunal de Contas do Espírito Santo, e empregado da TAG Importação e Exportação de Veículos em Porto Velho. A TAG, empresa de Adriano e de seu pai, Pedro Scopel, é pivô de um esquema de fraudes, segundo a Polícia Federal. O juiz Gomes decidiu pela prisão dos parentes do governador por encontrar ?indícios do envolvimento de Ivo Junior e Alessandro com o grupo de Adriano e da obtenção de vantagens financeiras que este viabilizou em favor daqueles?. Gomes destacou, ainda, ?o fato de que a interferência de Ivo Junior em favor de Adriano (que obteve reunião com o governador) resultou na liberação das importações da TAG que estavam paralisadas?. Por fim, o juiz concluiu: ?É possível que Ivo Junior e Alessandro tenham se associado ao grupo de Adriano, que tem praticado diversos delitos, configurando provavelmente quadrilha.? As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.