FHC telefona para o Incor

O secretário de Comunicação do governo de São Paulo, Oswaldo Martins, disse há pouco que o presidente Fernando Henrique Cardoso telefonou para o Instituto do Coração, por volta de 15h30, e conversou com o governador em exercício Geraldo Alckmin. Segundo Martins, FHC teria dito que continua recebendo notícias sobre o estado de saúde do governador licenciado Mário Covas por telefone e que, por enquanto, não iria ao Incor. O secretário afirmou ainda que o presidente mandou um abraço para Covas, que foi transmitido por Alckmin. Segundo informações da assessoria do Palácio dos Bandeirantes, Alckmin já deixou o Incor. Ele, no entanto, não conversou com os jornalistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.