FHC sugere redução de juro para País crescer

O presidente Fernando Henrique Cardoso sugeriu a possibilidade de redução das taxas de juro, para recuperar o crescimento econômico. "Isso é o Banco Central quem cuida, mas precisamos de uma sintonia fina na questão da taxa de juros, para que possamos manter a economia em movimento", disse, ao desembarcar no aeroporto da capital chilena para participar da reunião do Grupo do Rio. Ele afirmou que o governo tem de fazer "um esforço para superar" a queda no PIB de 0,99% no segundo trimestre, em relação ao primeiro.O Brasil, na avaliação do presidente, ingressou em uma fase de recuperação da economia, que poderia ser obtida com a expansão dos investimentos. Ele ressaltou que a crise energética já está equacionada, e destacou que o setor de energia é uma das áreas que suscitam mais injeções de recursos. Fernando Henrique também citou outras boas notícias para justificar seu otimismo."Tivemos uma safra agrícola muito boa, e a situação atual das reservas internacionais nos dá a capacidade de lidar com esses fenômenos internacionais", afirmou Fernando Henrique Cardoso. "Então, podemos voltar a considerar as medidas necessárias para a retomada rápida do crescimento", acrescentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.