FHC se recupera de intoxicação alimentar

O presidente Fernando Henrique Cardoso permaneceu durante todo o dia de hoje no Palácio da Alvorada, recuperando-se de uma intoxicação alimentar que lhe provocou febre durante a madrugada. O médico da Presidência, Ricardo Camarinha, esteve com o presidente na hora do almoço e no início da noite. Fernando Henrique recebeu a recomendação de permanecer em repouso, e com restrição alimentar. A indisposição do presidente foi confirmada pelo porta-voz do Planalto, Alexandre Parola. Segundo o porta-voz, por causa do mal-estar Fernando Henrique cancelou a audiência que teria com o ministro do Desenvolvimento Agrário, Raul Jungmann, no final da manhã. Antes, porém, ele conversou por mais de uma hora com o vice-presidente Marco Maciel, do PFL.Freqüentemente o presidente tem indisposições alimentares, principalmente depois de longas viagens. Nos últimos 30 dias, Fernando Henrique esteve na Polônia, Suécia e Eslováquia, depois no Panamá e no Chile, de onde regressou na quarta-feira à noite. As viagens internacionais foram intercaladas com as nacionais, que deixaram o presidente bastante cansado, de acordo com auxiliares. O presidente permanecerá o fim de semana descansando no Palácio da Alvorada. Na semana que vem ele tem mais duas viagens: na quarta-feira vai a Cuiabá, inaugurar uma ponte, e na quinta-feira, seguirá para Fernando de Noronha, para descansar nos feriados da Semana Santa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.