FHC se diz falsamente acusado por advogados

O presidente Fernando Henrique Cardoso criticou nesta sexta-feira a ofensiva da oposição, que protocolou nesta sexta, na Mesa da Câmara, uma representação contra ele por crime de responsabilidade."O presidente lamenta que eles não tenham se dado ao trabalho de consultar o Diário Oficial para ver que as alegações são falsas", afirmou o presidente, por intermédio do porta-voz da Presidência da República, Georges Lamazière.Na representação, os advogados Celso Bandeira de Mello, Dalmo Dallari e Fábio Konder Comparato acusam o presidente de atentar contra o livre exercício do Poder Legislativo ao utilizar recursos orçamentários para influir na retirada de 20 assinaturas do requerimento para a instalação da CPI Mista que investigaria os casos de corrupção no governo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.