FHC quer identificar culpados pela crise

O presidente Fernando Henrique Cardoso decidiu descobrir a origem da crise no setor elétrico, e identificar seus responsáveis. Para isso, assinou decreto que cria a comissão de análise do sistema hidrotérmico de energia, cuja missão será avaliar a política de produção de energia e esclarecer as causas, estruturais ou conjunturais, da escassez atual. O diagnóstico deverá ser apresentado daqui a 60 dias.A nova comissão será composta por Jerson Kelman, diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA); Altino Ventura Filho, diretor-técnico-executivo da Itaipu Binacional; Sérgio Valdir Bajay, professor da Unicamp; João Camilo Penna, membro do Conselho de Administração da Itaipu Binacional e Cláudio Luiz da Silva Haddad, presidente do IBMEC Educacional.O presidente também assinou o decreto que reduz, em duas horas diárias, o horário de expediente dos ministérios, órgãos e entidades da administração pública federal. Os novos horários serão determinados pelos ministros de cada pasta, já a partir do dia 31.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.