FHC pede agenda para depois do carnaval

O presidente Fernando Henrique Cardoso solicitou ao presidente do Senado, Jader Barbalho (PMDB-PA), que defina com a Câmara dos Deputados, após o carnaval, uma agenda com os projetos considerados prioritários para o Brasil. Segundo Barbalho, que teve hoje seu primeiro encontro com Fernando Henrique após assumir o comando do Legislativo, o presidente mostrou-se preocupado com a restrição à edição de medidas provisórias, pelo fato de a atual Constituição exigir lei para medidas administrativas que deveriam ser regulamentadas por decreto. O senador disse que conversou rapidamente também com o presidente sobre a necessidade de medidas na área de segurança pública, mas não apresentou nenhuma proposta, já que o próprio Presidente lhe informou que iria definir uma pauta de discussão sobre o assunto.Barbalho disse que as denúncias apresentadas pelo senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA) contra ele, em discurso hoje no Senado, foram "bombas requentadas". O senador disse que as denúncias já são conhecidas por todas desde abril do ano passado, quando Magalhães passou a divulgá-las, e garantiu que todas estão esclarecidas em sua página na Internet (www.jaderbarbalho.com.br). Barbalho disse ainda, irônico, que não presidiu a sessão durante o discurso de Magalhães "para não suprimir o direito do vice-presidente, Edison Lobão (PFL-MA) ouvir o seu correligionário".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.