Gabriela Biló
Gabriela Biló

FHC passa bem após realizar operação para implantar marca-passo

Procedimento aconteceu após um exame de rotina identificar pequenas alterações no ritmo do batimento cardíaco do ex-presidente

Pedro Venceslau, O Estado de S. Paulo

09 de julho de 2016 | 13h29

SÃO PAULO - O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, de 85 anos, passou na manhã de hoje por uma cirurgia para implantar um marca-passo (aparelho utilizado para corrigir o ritmo do batimento cardíaco). A operação foi bem sucedida e ele passa bem, conforme informou sua assessoria de imprensa.

A cirurgia para o implante do marca-passo ocorreu, conforme a Agência Brasil, às 9 horas, no Hospital do Coração, na capital paulista. FHC foi para o quarto às 10h30, onde ficará até receber alta. A expectativa é de que ele deixe o hospital ainda neste sábado.

A decisão de colocar um marca-passo foi tomada após um exame de rotina, realizado ontem, 8, identificar pequenas alterações no ritmo do batimento cardíaco, que estava lento. O ex-presidente não tem histórico de problemas cardíacos ou doenças crônicas. A inclusão do marca-passo foi, segundo pessoas próximas ao tucano, apenas uma "precaução", conforme noticiou a edição de hoje do Estadão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.