FHC nega "acordão" contra cassações

O porta-voz da Presidência da República, Georges Lamazière, desmentiu categoricamente que o presidente Fernando Henrique Cardoso tenha participado de qualquer acordo para livrar da cassação os senadores Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) e José Roberto Arruda (sem partido-DF), envolvidos no episódio da violação do painel de votação eletrônica do Senado. "O presidente Fernando Henrique Cardoso nega categoricamente que tenha feito qualquer gestão a favor ou contra quem quer que seja, de assunto exclusivo do Senado", afirmou Lamazière. A uma indagação sobre a possibilidade de inclusão de parlamentares e sindicalistas entre os integrantes da Câmara de Gestão da Crise de Energia Elétrica (GCE), o porta-voz respondeu que o presidente da República não vê necessidade dessa inclusão, porque entre as funções da GCE já está a de manter permanente interlocução com os diversos segmentos da sociedade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.