FHC não especula sobre o mercado, diz porta-voz

O presidente Fernando Henrique Cardoso evitou nesta sexta-feira fazer comentários sobre as variações do mercado nos últimos dias. ?O presidente não deseja especular sobre o mercado?, disse Fernando Henrique, por intermédio do porta-voz Alexandre Parola. O assunto, no entanto, foi acompanhado atentamente pelo Palácio do Planalto, durante todo o dia, já que temia maiores repercussões na economia interna.Mas, no final da tarde, tanto o presidente quanto os auxiliares já davam sinais de alívio com a reação do mercado, que se acalmou com os novos resultados das pesquisas eleitorais, que consolidavam o nome de José Serra como o segundo colocado na corrida à sucessão.Para tentar acalmar o mercado e evitar mais um dia de tumulto, o governo já havia decidido que, desde cedo, o Ministério da Fazenda deveria dar esclarecimentos em relação ao impacto da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a Lei de Responsabilidade Fiscal, nas contas públicas.?O próprio Ministério da Fazenda já veio a público dar explicações. Não há qualquer abalo nos compromissos fundamentais com o equilíbrio fiscal?, avisou o presidente, por intermédio do porta-voz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.