FHC: Lula não deveria 'cuspir no prato que está comendo'

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou hoje que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não deveria "cuspir no prato que está comendo". "O presidente Lula precisa olhar com mais respeito o povo e aqueles que o antecederam. Fica feio, todo dia ele cospe no prato que está comendo. Chega", disse FHC, no lançamento do livro Cultura das Transgressões, no Museu de Arte Moderna, em São Paulo.As declarações de Fernando Henrique foram uma resposta ao presidente Lula que, ao comentar a mudança de patamar do Brasil de devedor para credor, disse que isso ocorreu porque seus antecessores foram "pé-frios", e ele tem sorte porque trabalha. "Isto (declaração de Lula) foi um insulto ao povo brasileiro que trabalhou para conseguir melhorar a situação (do País) e aos governos anteriores também", disse FHC. "Que ele (Lula) seja pé-quente eu acho ótimo, agora não precisa xingar os outros, tenha paciência."Fernando Henrique também disse que não está preocupado tanto com os escândalos atuais, mas sim com os rumos do País. "É preciso ter indignação, é preciso que se crie um espírito mais afirmativo. O governo é governo e o presidente passa a mão na cabeça de todos que falharam, em vez de se distanciar para mostrar o certo e o errado. E ainda diz que não sabe de nada. Isso é grave", disse o ex-presidente.A respeito de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) Mista dos Cartões Corporativos, FHC disse que existe uma acusação no atual governo e é preciso verificar. "Não houve acusação no meu governo", afirmou. E voltou a dizer que mesmo que tenha algo errado no passado é preciso que se apure. "Eu nunca sou solidário com falcatruas."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.