FHC faz reunião não-programada com ministros

Doze ministros foram convocados para uma reunião, que não estava prevista, com o presidente Fernando Henrique Cardoso, no Palácio da Alvorada. O último a chegar foi o ministro das Comunicações, Pimenta da Veiga. Além dele estão no Alvorada os ministros dos Transportes, Eliseu Padilha; do Planejamento, Orçamento e Gestão, Martus Tavares; do Meio Ambiente, Sarney Filho; da Casa Civil, Pedro Parente; da Secretaria Geral da Presidência da República, Aloysio Nunes Ferreira; de Minas e Energia, José Jorge; do Esporte e Turismo, Carlos Melles; da Previdência e Assistência Social, Roberto Brant; da Educação, Paulo Renato Souza; das Relações Exteriores, Celso Lafer e da Saúde, José Serra.O encontro servirá para discutir o quadro político atual. Colaboradores próximos ao presidente confirmam que um dos pontos do encontro será a CPI da Corrupção. Os ministros do Planejamento, Orçamento e Gestão, Martus Tavares, e da Educação, Paulo Renato Souza, já deixaram o Alvorada. Dos ministros que lá permanecem - à exceção de Padilha e Parente -, todos têm mandato e condições de liderar bancadas no Congresso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.